Morre o apresentador Stanley Gusman por complicações da covid

O também escritor foi diagnosticado com coronavírus no fim do ano passado e internado em uma UTI no dia 4 de janeiro

O apresentador de TV Stanley Gusman, de 49 anos, morreu por complicações causadas pela covid-19, neste domingo (10).

A informação foi confirmada pela TV Alterosa, afiliada do SBT em Belo Horizonte, onde Gusman apresentava um programa diário.

Segundo informações da empresa, ele foi diagnosticado com o coronavírus ainda no fim de 2020 e foi internado em uma UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) de um hospital particular de Nova Lima, na Grande BH, no dia 4 de janeiro. Desde então, o quadro do também escritor apresentou variações, mas teve pioras nos últimos dias.

728x90 - Americanas

“Essa notícia trouxe uma profunda tristeza para todos nós, dos Associados, em especial da TV Alterosa. Perdemos um companheiro leal, amigo de todos da casa. A Covid cala uma voz eloquente. Stanley se junta aos trágicos números dessa pandemia, mas os ideais dele não serão esquecidos. Que Deus conforte sua mulher, seu filho e toda a família”, disse o diretor-geral da TV Alterosa, Geraldo Teixeira da Costa Neto, em nota.

Durante sua carreira, Stanley também trabalhou na praça mineira da TV Bandeirantes. Entre os livros escritos por ele estão “O Escutador do Vento” e “O Difícil Desejo de Amar”.

O apresentador é natural de Eugenópolis, a 409 km de Belo Horizonte. Em 2015 ele recebeu o título de Cidadão Honorário de Belo Horizonte, concedido pela Câmara Municipal.

Covid-19

Segundo o Governo de Minas Gerais, até este domingo, o coronavírus matou ao menos 12.709 pessoas no Estado, sendo 1.939 apenas em Belo Horizonte, que lidera os casos. O total de infectados desde o início da pandemia chegou a 592.311. Destes, 530.061 são considerados curados.

** Este texto não necessariamente reflete, a opinião do Portal Da Fama